Bolo no pote e R$ 5.500 por mês no bolso  

14 de março de 2015 por Vanessa Brollo

A Rhaiany Nascimento mora em Vitória, no Espírito Santo e faz bolo no pote. Descobri a história dela na revista Sou Mais Eu e fui atrás para saber se o que estava na revista era verdade. E era! A Rhaiany fatura R$ 5.500 reais vendendo cerca de 2.500 potes por mês. Só no final de semana são 200 bolos muito bem recheados, pelo jeito, e assim, pronto para comer. Os números comprovam o sucesso, mas essa história começou em um momento de dificuldade.

A Rhaiany e o marido dela, o Élio estavam passando por problemas financeiros. As contas começaram a atrasar, aluguel, água, luz... Como o Élio não encontrava um emprego os dois decidiram começar a vender bolo de um jeito diferente, em um pote. Pegaram algumas dicas na internet e foram à luta.Tinham apenas 50 reais. Com esse dinheiro compraram leite condensado, farinha e chocolate e  conseguiram fazer 20 bolos.

  Clica AQUI  para aprender a fazer e vender bolo no pote 

Foto: Beto Morais
Foto: Beto Morais

O Élio foi para a rua, de bicicleta, oferecer no comércio e vendeu tudo. “E o povo pedindo mais”, conta Rhaiany. Nove meses depois  de ter começado a produção o casal já recebeu encomenda de até 700 bolos de uma vez. E isso trabalhando em casa.

No início ela  confessa que teve que vencer a vergonha de oferecer o produto para as pessoas. “Aprendi que com um sorriso no rosto, fé e coragem a gente consegue qualquer coisa”. Hoje  temos clientes fixos que nos procuram para comprar bolo no pote. O casal passou a produzir todo tipo de doce e salgado para festas e o bolo no pote ganhou  3 tamanhos, tem de 100, 200 ou 300 ml. E tem mais gente ganhando dinheiro com comida no pote,veja AQUI. Salada no pote também faz o maior sucesso. Confira AQUI uma receita de Salada Caprese e mais dicas de como vender comida no pote. 
 

 As dicas da Rhaiany

-  Não tenha medo ou vergonha. Se eu consegui você também consegue

- No começo pode parecer difícil, mas acredite que você pode passar dessa fase inicial que é a mais difícil

- Tenha fé, força e foco  

Com um investimento baixo você consegue apredner TUDO sobre bolo no pote. Clica AQUI para saber mais 

 

Para mais dicas de negócios criativos clica AQUI  e adquira agora o E-book: Ideias de Negócios e dicas de quem Partiu Plano B.

 

 

COMENTÁRIOS
Adicione um comentário
Nome:
Email:
FERNANDA
15 de março de 2015 Responder
Ter 50 reais no bolso e coragem para começar é algo sem dúvida inspirador. Força de vontade, trabalho e perseverança. Parabéns para eles! E para você por compartilhar mais esta história de sucesso. Beijo!!
VANESSA BROLLO
16 de março de 2015 Responder
E tanta gente reclamando que não tem oportunidade , não é? Também acredito que TEM que força de vontade e perseverança, sempre. Beijos e obrigada pelo apoio de sempre.
ANA YUAN
18 de março de 2015 Responder
Basta ter força de vontade e criatividade para ter um produto diferenciado, adorei bjs www.antestardedoquenunca1.blogspot.com
VANESSA BROLLO
19 de março de 2015 Responder
A Rhai é um exemplo disso Ana. Começou com 50 reais. Tem gente que investe fortunas em um negócio, mas se não tem paixão pelo que faz muitas vezes não adianta bjos e obrigada pela visita
MARIA APARECIDA C. SALLES
02 de julho de 2015 Responder
Oi Rhai vc e uma guerreira ,não ficou se lamentando mais foi a luta e com a graça de Deus vc venceu e ainda esta passando seu testemunho a outras pessoas isso e muito legal e muita benção ...vc e uma das mulheres que não deixa a peteca cair e isso ai ...bjs e fica com Deus
MARIA APARECIDA C. SALLES
02 de julho de 2015 Responder
bom vou tentar ...porque não consigo ficar muito tempo parada e como adoro cozinhar quem sabe ,obrigada e fica com Deus
VANESSA BROLLO
02 de julho de 2015 Responder
Maria Aparecida não diga que vai tentar, diga que vai conseguir. Acredite em você que as coisas acontecem. Beijos. Fique com Deus e obrigada pela visita ao blog
VANESSA BROLLO
02 de julho de 2015 Responder
Com certeza a Rhai é uma pessoa especial que está inspirando muitas mulheres. Um exemplo para todas nós. Beijos
MIRNA
04 de julho de 2015 Responder
Adorei sua estoria,eu me identifiquei muito,com você. Pois eu trabalho com doces e salgados, eu vendo em um hospital,onde eu trabalho,gostei tanto que vou começar a fazer p/ vender. Espero que eu tenha o mesmo sucesso. Bjs. Mirna.
PRISCILA
04 de julho de 2015 Responder
Parabéns pelo belo trabalho!! tbm estou pensando em fazer os bolos de potes, mas não sei onde vende-los e o valor. Poderia me dar umas dicas por quanto eu vendo? Obg
VANESSA BROLLO
05 de julho de 2015 Responder
Oi Priscila sou a jornalista responsável pelo blog. Aqui mesmo tem receitas de bolo no pote e mais dicas de como vender. Nos comentários a culinarista Cristiane Bertho dá alguma orientações sobre preço. Beijos e obrigada pela visita
VANESSA BROLLO
05 de julho de 2015 Responder
Oi Mirna, sou a jornalista responsável pelo blog. A história da Rhai é uma inspiração mesmo. Vá em frente com o seu projeto. Acreditar é o primeiro passo para o sucesso. Depois me conta. Beijos e obrigada pela visita
ELAINE CRISTINA DA SILVA
06 de julho de 2015 Responder
Nossa estou encanta ja estava pensando nisso agora vc me deu coragem
VANESSA BROLLO
06 de julho de 2015 Responder
Que bom Elaine.A história da Rhai é realmente inspiradora. Sorte e sucesso pra você. Obrigada pela visita ao blog
DEIVERSON AUGUSTO
06 de julho de 2015 Responder
Comecei essa semana o projeto de bolo no pote, assim como a nossa personagem eu investi cerca de R$ 50,00, porém mesmo no início estava me cobrando por ter um lucro muito pequeno, quase nada, mas com menos de uma semana tem sido muito boas as vendas. Confesso q estava um pouco desmotivado, mas lendo o blog ganhei novamente o gás que precisava, acho q só tenho que corrigir pequenos erros, aprimorar acertos e bola pra frente...
VANESSA BROLLO
07 de julho de 2015 Responder
Que legal Deiverson. Fico feliz que o blog te ajudou a se animar. Vai com fé e trabalhe muito, no começo não é fácil mesmo. Depois me conta como está se saindo. quem sabe posso contar sua história no blog também. Boa sorte e obrigada pela visita ao blog
ROSY
11 de julho de 2015 Responder
Parabens Ray você é sem duvidas um grande exemplo, e um amor de pessoa,pois alem de ser essa mulher de garra você ainda tem a boa vontade de ajudar ao proximo. vou dar o primeir passo o quanto antes,pois sua historia hoje estar se encaixando direitinha a minha,e é com sua historia que farei de espelho para mim seguir a diante dos meus sonhos. PARABENS
VANESSA BROLLO
12 de julho de 2015 Responder
OI Rosy, sou a jornalista responsável pelo blog.A história da Ray é linda mesmo. Fico feliz que tenha te inspirado. Comece mesmo, o quanto antes a realizar o seu sonho. No começo nada é fácil, tenha peersistência e fé e claro, trabalhe muito. Beijos e sorte pra você
RHAIANY LIBORIO
12 de julho de 2015 Responder
Obrigadaa Minha Querida. Grande Beijo
RHAIANY LIBORIO
12 de julho de 2015 Responder
Obrigadaa linda... temos sempre que ter fé em Deus e perseverança.. Vamos a luta sempre e com um sorrido no rosto.. Conte comigo viu beijaoo
RHAIANY LIBORIO
12 de julho de 2015 Responder
Querendo ajuda minha linda.. entra em contato comigo meu face pessoal é Rhaiany Liborio.. Beijosss
RHAIANY LIBORIO
12 de julho de 2015 Responder
Você consegue minha linda... guerreira vc já é.. Precisando de dicas entra em contato comigo.. meu face pessoal Rhaiany Liborio Grande Beijooo
PATRICIA JAQUELINE DOS SANTOS
12 de julho de 2015 Responder
oi querida estou precisando muito desse teu plano B na minha vida.
VANESSA BROLLO
12 de julho de 2015 Responder
OLá Patrícia sou a jornalista responsável pelo blog. Seja qual for a sua ideia de Plano B, não desista. Tem que ter paciência, foco e trabalhar muuuito. Beijos e obrigada pela visita ao blog
SABRINA
12 de julho de 2015 Responder
Vi a sua matéria e vc se tornou nossa inspiração também estamos desempregadas e a quase 1 mês estamos fazendo bolo no pote e graças a deus está dando td certo isso prova q foco ,fé e força de vontade faz a diferença em nossas vidas ....muito obrigada e q deus continue abençoando sua vida ....muito sucesso
VANESSA BROLLO
13 de julho de 2015 Responder
OLá Sabrina, sou a jornalista responsável pelo blog. A Rhai certamente vai ficar muito feliz com o seu depoimento. Também tenho certeza que foco, fé e força de vontade são alguns dos segredos do sucesso. Beijos e obrigada pela visita
RENILDA LUCENA
17 de julho de 2015 Responder
oi adorei essa materia vou fazer hoje um curso de bolo no pote e vou vender tambem bjss e obrigada
VANESSA BROLLO
17 de julho de 2015 Responder
Oi Renilda, sou a jornalista responsável pelo blog. Que legal que vai fazer um curso. Te desejo muita sorte. Depois me escreve falando do seu sucesso. Beijos
ROSEMARY RITA CASTRO
22 de julho de 2015 Responder
Oi gostei do esforço,parabéns e muito sucesso.Vou tentar também dou noticias.
VANESSA BROLLO
22 de julho de 2015 Responder
OLá Rose, sou a jornalista responsável pelo blog, que bom que vc gostou da história da Rhai, ela é maravilhosa mesmo. Mande notícias mesmo. Beijos e obrigada pela visita ao blog.
LU
22 de julho de 2015 Responder
Quanto tempo dura os bolinho de pote? Estou pensando em fazer aqui no Piaui, Bj voce e exemplo ;)
VANESSA BROLLO
22 de julho de 2015 Responder
OLá, sou a jornalista responsável pelo blog. aqui mesmo você encontra um post com receitas e mais dicas sobre bolo no pote, inclusive o tempo de validade. Faça mesmo e depois conta pra gente como foi. A Rhai é mesmo um lindo exemplo. Bjos e obrigada pela visita ao blog
RENE
23 de julho de 2015 Responder
quero dar essa virada pois estou perdida, depois de ver esses comentarios resolvir reagir,valeu Deus te abençoe.
JORGE LUIZ
23 de julho de 2015 Responder
oi mossa queria saber o valor que vc cobra por cada tipo de bolo no pote ? é desde já obrigado
VANESSA BROLLO
23 de julho de 2015 Responder
OI Jorge, tudo bem? Sou a jornalista responsável pelo blog.Para saber de preço te peçopra entrar no blog: www.cristianebertho.com.br . Ela pode te ajudar com mais dicas, ok? Obrigada pela visita ao blog
VANESSA BROLLO
23 de julho de 2015 Responder
OLá Rene, sou a jornalista responsável pelo blog.Isso mesmo tem que reagir, nada de se entregar, não está fácil pra ninguém. Encontre algo que goste de fazer e vá em frente.Força, Foco e Fé! Obrigada pela visita ao blog
FRANCIELE MATTOS
24 de julho de 2015 Responder
Vanessa ,é por causa de pessoas como vc,que podemos aprender muito ,pessoas que dedicam seu precioso tempo em contar histórias que realmente nos inspiram ,história de gente batalhadora ,q nao fica se lamentando por dificuldades e vai a luta e que se dispoe a dividir seus conhecimentos .obrigada por isso!!!
VANESSA BROLLO
24 de julho de 2015 Responder
Obrigada Franciele, muito obrigada pelas suas palavras. Também aprendo muito com essas pessoas que entrevisto e fico feliz de ajudar de alguma forma a inspirar as pessoas a buscarem seu sonhos.Toda semana tem uma história nova.Volte sempre rsrsr! Beijos e obrigada novamente
DANIELLE
26 de julho de 2015 Responder
Oi rhayany,adorei seu post,no momento não tenho como trabalhar pois tenho 2 filhos um com 9 e outro com 2,então decidi fazer os bolos no pote para vender,comprei tudo hoje pra começar segunda,vou sair vendendo nas lojas no comércio espero ter a mesma sorte que VC,e que Deus continue te abençoando,e se possivel me dar algumas dicad procurei seu face mais não encontrei.bjs
VANESSA BROLLO
26 de julho de 2015 Responder
Oi Danielle, sou a jornalista responsável pelo blog. Nossa, muito boa sorte pra você com bolo no pote. No face você encontra a Rhai como, Rhaiany Nascimento Beijos e obrigada pela visita ao blog
VANDREZZA FERREIRA
07 de agosto de 2015 Responder
Parabéns!! Eu tenho mil e uma ideias pra fazer as coisas, mas eu sou muito retraída, não tenho coragem de chegar pra oferecer as coisas, mas eu tenho FÉ de que eu consigo. Amanhã mesmo vou fazer o teste do bolo de pote e vou voltar pra dizer que deu certo assim como pra você. Que Deus ilumine muito você e te dê mais força ainda pra seguir em frente e crescer ainda mais. Beijos
VANESSA BROLLO
07 de agosto de 2015 Responder
Oi Vandrezza sou a jornalista responsável pelo blog. É isso aí mete a cara menina e nada de vergonha de oferecer o que você produz. Tente mesmo o bolo no pote. Vai com fé que vai dar certo. E me conta depois, quem sabe conto sua história aqui no blog? Beijos e obrigada pela visita
LARISSA
11 de setembro de 2015 Responder
Eu amei essas dicas. Linda história. Me serviu de inspiraçao. Também vou tentar. Que Deus continue abençoando a sua vida. Bjs
VANESSA BROLLO
11 de setembro de 2015 Responder
Oi Larissa, sou a jornalista responsável pelo blgo. A história da Rhai é inspiradora mesmo. Boa sorte pra você e obrigada pela visita ao blog bjos
RHAISSA FERREIRA
18 de setembro de 2015 Responder
Uma história em crível de superação... Mas gostaria de saber ser esse bolo fica na geladeira ? E queria conversar se for possível com a Rhaiany Para tira uma dúvidas que eu tenho sobre o bolo no pote , obrigada bjs
VANESSA BROLLO
18 de setembro de 2015 Responder
Oi Rhaissa,sou a josrnalista responsável pelo blog. Linda história mesmo né? Sim o bolo fica na geladeira sim. No final do post tem o contato da Rhaiany. Pelo facebook vc consegue conversar com ela. Aqui mesmo no blog você encontra outras dicas sobre bolo no pote tá? Bjos e obrigada pela visita ao blog
JEMIMA
18 de setembro de 2015 Responder
Linda sua história, fiquei extremamente emocionada, eu estou começando agora, posso te dizer que é bem difícil, principalmente pra mim que acabei de ganhar nenem, ainda não fiz muito nem tão pouco consegui vender, mas não vou desistir, creio num Deus que tudo pode e vai operar maravilhas em nossas vidas. Quero te mandar um forte abraço e que Deus continue te abençoando.
VANESSA BROLLO
19 de setembro de 2015 Responder
OLá Jemina, sou a jornalista responsável pelo blog.É isso aí tem que ter fé e não desistir. A Rhai tem uma linda história mesmo. Beijos e obrigada pela visita ao blog
FERNANDINA APARECIDA FRANCO DA SILVA
20 de setembro de 2015 Responder
Boa tarde, Vanessa estou pensando em produzir este produto e estou pesquisando receitas, estou passando por uma fase financeira difícil e espero estar no caminho certo.
VANESSA BROLLO
20 de setembro de 2015 Responder
Oi Fernandina, vá em frente. Faça isso mesmo pesquise muito, teste receitas com a família e com os amigos e COMECE,. Pelo que tneho aprendido com os meus entrevistados nada é fácil, tem que trabalhar muito, ter paciência, mas como você viu nessa história NADA é impossível. Boa sorte e sucesso e obrigada pela visita ao blog
RONALD
20 de setembro de 2015 Responder
Boa noite, Muito bonito sua história. Eu fiz um curso de tortas no Senac aqui em Goiânia, e já faço tortas há algum tempo. Como já tem "Bolos no Potinho", resolvi diferenciar, e vou fazer "Tortas no Potinho"... Começo a vender através de duas sobrinhas, a partir de amanhã, espero que dê certo... Torçam por mim.... Bjão, Ronald
VANESSA BROLLO
20 de setembro de 2015 Responder
Olá Ronald! Sou a jornalista responsável pelo blog. Te desejo muita sorte. Com dedicação e muito trabalho tenho certeza que vai dar certo Beijos e obrigada pela visita ao blog
PATRICIA MORAES
22 de setembro de 2015 Responder
Olá, estou passando por um momento de dificuldade por estar desempregada e meu esposo tmbm, quero começar nesse negócio!!! por quanto posso vender? obrigada!
VANESSA BROLLO
22 de setembro de 2015 Responder
Olá Patricia, tudo bem? Sou a jornalista responsável pelo blog. Tem que Partir Plano B mesmo. Espero que essa fase difícil seja passageira na sua vida. Sobre o preço, aqui mesmo no blog tem um post sobre o assunto e mais receitas inclusive. Aqui está o link:http://partiuplanob.com.br/como-calcular-o-preco-de-venda-do-bolo-no-pote/ Boa sorte pra vocês e obrigada pela visita ao blog
CAROLINA
05 de outubro de 2015 Responder
Olá, estou fazendo um trabalho de escola e gostaria de saber quantos bolos ela vendia no inicio e por quanto saia cada um? Ficarei muito grata pela resposta!
VANESSA BROLLO
05 de outubro de 2015 Responder
Olá Carolina, no final do post tem o contato da Rhai, você deve entrar em contato com ela para fazer essa entrevista ok? Beijos e obrigada pela visita
MARCIA
13 de outubro de 2015 Responder
Querida Vanessa descobri vc procurando sites sobre bonecas e apareceu uma das suas reportagens. Só posso dizer parabéns pela sua iniciativa. Muito importante blogs como o seu, pois fazem a diferença na vida das pessoas.
VANESSA BROLLO
13 de outubro de 2015 Responder
Oi Marciaaa. Feliz que você tenha gostado. Obrigada pela visita e volte sempre rsrsrs Beijooss
ANA PAULA
19 de outubro de 2015 Responder
oi Vanessa Brollo gostei muito da sua matéria foi uma a esperança que eu estou precisado vou tenta de novo creio que vai dar tudo certo obg.
VANESSA BROLLO
19 de outubro de 2015 Responder
Que bom Ana Paula.Feliz de ter te ajudado de alguma maneira . Tenha fé e trabalhe muito, tem outras histórias aqui no blog que podem te ajudar com inspiração e informação. Beijos e obrigada pela visita
RODRIGO ALBERTO
21 de outubro de 2015 Responder
Li todo o posto publicado por você e me deu coragem que eu precisava para achar algo para gerar uma renda que me ajude pois estou desempregado a 3 meses e minha esposa agora também. das coisas que eu li para botar qualquer negócio que me ajude a gerar renda, o seu é o mais coerente e que eu vejo como uma boa perspectiva de algum retorno. Acredito e pretendo começar a vender este mes. Vai dar certo.. eu espero. Obrigado pelas dicas!
VANESSA BROLLO
21 de outubro de 2015 Responder
Olá Rodrigo, sou a jornalista responsável pelo blog. Que bom que você gostou das dicas. É isso aí, vá em frente. Com trabalho e muita dedicação tenho certeza que você vais e dar bem. Só não pode desistir. aqui no blog tem uma história com várias dicas que podem te ajudar , independente do que for vender. Sucesso pra você e obrigada pela visita
IZABEL CRISTINA
23 de outubro de 2015 Responder
amei as dicas de voces,queroreceber mas receitas,muito obrigada.
IZABEL CRISTINA
23 de outubro de 2015 Responder
que bom que voces estao ajudando as pessoas a sair desta crise finaceira.
VANESSA BROLLO
23 de outubro de 2015 Responder
Oi Izabel que bom que você gostou do blog, fico feliz em inspirar as pessoas que estão procurando uma alternativa para fugir dessa crise. Em breve devo postar mais receitas de bolo no pote. E toda semana tem uma história nova. Obrigada pela visita
REBECCA
23 de outubro de 2015 Responder
Arrasou... Parabéns!!! Eu Cuido dos meus 3 filhos pequenos, e trabalho em casa, tenho uma pagina no facebook chamada Doce Sabor Confeitaria. E graças a Deus vendo muito bem. E comecei igual ela, com pouco dinheiro, e fazendo coisas de boa qualidade, preço acessível e vendeu tudo. Amo cozinhar.. bjusss
VANESSA BROLLO
23 de outubro de 2015 Responder
Que legal Rebecca, É isso aí tem que correr atrás mesmo. Parabéns! Obrigada pela visita ao blog
LILIANY
26 de outubro de 2015 Responder
oi boa tarde. estou querendo vender bolo no pote também, só que estou sem opção de local para venda. gostaria de alguns ideias de vcs, que posso me ajudar. obrigado!
VANESSA BROLLO
26 de outubro de 2015 Responder
OLá Liliany, sou a jornalista responsável pelo blog. Não sou consultora mas da experiência das minhas entrevistas te digo para começar vendendo para os amigos e familiares e depois para os amigos dos amigos. Ofereça em escolas, clubes, faça uma página no facebook para divulgar. Ofereça no comércio da sua cidade. Tem que correr atrás e assim você vai descobrir qual é o melhor público para o seu produto.Você leu a história da Rhai né? Viu que ela e o marido vendem de bicicleta pela cidade? Boa sorte pra você
LILIANY
27 de outubro de 2015 Responder
Ok Vanessa. ,muito obrigado pela as dicas. Bjoss.. Tenha uma boa tarde...
VANESSA BROLLO
27 de outubro de 2015 Responder
Espero ter ajudado. Beijos
FABIANE
29 de outubro de 2015 Responder
eu queria fazer mais queria ideias de recheio
VANESSA BROLLO
29 de outubro de 2015 Responder
Oi Fabiane, aqui mesmo no blog Partiu Plano B você encontra várias receitas. Clica nos links abaixo: http://partiuplanob.com.br/bolo-no-pote-receitas-e-dicas-de-como-vender/ http://partiuplanob.com.br/como-calcular-o-preco-de-venda-do-bolo-no-pote/ Boa sorte e obrigada pela visita
ANDRÉ
09 de novembro de 2015 Responder
Por quanto posso vender cada pote?
VANESSA BROLLO
09 de novembro de 2015 Responder
Olá André, entrevistei uma cake designer que deu dicas sobre o preço do bolo no pote. Veja neste link: http://partiuplanob.com.br/como-calcular-o-preco-de-venda-do-bolo-no-pote/ Obrigada pela visita
ANDREIA MARQUES
16 de novembro de 2015 Responder
Moro aqui em Nova York, e comecei a fazer e tentar vender bolo de pote faz exatamente um mes a primeira semana foi uma beleza porque uma amiga me ajudou a divulgar mais tenho vergonha de oferecer as pessoas vc disse que tinha tambem e como superou isso, me da uma luz. nao quero parar quero crecer com isso mais estou confusa ou melhor com medo
VANESSA BROLLO
16 de novembro de 2015 Responder
Oi Andreia, sou a jornalista responsável pelo blog. Para entrar em contato com a Rhai você deve entrar na página dela, no final do post tem o endereço. Mas olha, o que posso te dizer entrevistando vários empreendedores é que você perde a vergonha quando acredita no seu projeto. Nada de medo . Tenha orgulho do que você produz, tenha certeza que o seu bolo é tão gostoso, tão gostoso que ninguém vai resistir. Boa sorte pra você e obrigada pela visita ao blog
GISELLE
19 de novembro de 2015 Responder
Que linda historia amei , pretendo começar pois aqui na minha cidade ainda não tem vou juntar algum dinheiro e próximo mês começo a fazer. Obrigado por compartilhar amei a historia
VANESSA BROLLO
19 de novembro de 2015 Responder
Oi Giselle, que bom que você gostou da história. Comece mesmo e acredite que sempre dá certo. Toda semana tem história nova no blog Beijos e obrigada pela visita
DANI VARELA
24 de novembro de 2015 Responder
Olá bom dia pessoal, lí esta reportagem ... e era tudo o que eu precisava para me impulsionar, hoje trabalho, não ganho mal, mas tenho três filhos e a vontade de os acompanhar mais de perto bate à porta e para isso como em caso precisamos de dois orçamentos, está aí de repente a minha luz.. * bolos de pote * em janeiro agora saio de férias, e é quando vou começar, e tenho fé que será um sucesso !!! Parabéns ray por ser motivação para muitos, inclusive para mim !!! Sucesso a vc cada vez mais !
VANESSA BROLLO
24 de novembro de 2015 Responder
Oi Daniii, sou a jornalista responsável pelo blog que tem mesmo esse objetivo inspirar as pessoas. Invista mesmo em bolo no pote, tem muita gente vendendo e vendendo bem. Boa sorte e sucesso e depois me conta como está sendo para você empreender.
KARLA FRANCIELE DIAS DE SOUZA
28 de novembro de 2015 Responder
Nossa me indentifiquei muito com a história da Rhai.O meu pai saiu de casa então eu me vi só eu e minha mãe sozinhas,e agora..,.Foi ai q resolvi fazer bolo no pote,hoje a minha renda mensal é de $2.000 so de bolo no pote,ai fui mais longe começei a fazer bolos de aniversário,juntando consigo mensalmente $3.500,agora vivemos tranquilas,e começei com $35.00.... Força e Fé sempre....
VANESSA BROLLO
29 de novembro de 2015 Responder
Oi Karla, sou a jornalista responsável pelo blog. Vamos conversar melhor, quem sabe conto sua história no blog? Se puder me mandar um e-mail blogpartiuplanob@gmail.com, senão daqui a um tempo te mando um e-mail. Quem bom que deu tudo certo pra vocês.Aqui toda semana tem história nova. Beijos e obrigada pela visita ao blog
RITA
06 de dezembro de 2015 Responder
É meu sonho viver somente dos ganhos com bolos de pote! Muito obrigada pelas dicas e parabéns pelo excelente trabalho!
VANESSA BROLLO
07 de dezembro de 2015 Responder
Que bom que gostou da história da Rhay Rita. Como você viu é possível sim ter um bom rendimento vendendo bolo no pote. Beijos e obrigada pela visita ao blog
JAQUELINE
13 de dezembro de 2015 Responder
Bom dia pode me sugerir algumas receitas
VANESSA BROLLO
13 de dezembro de 2015 Responder
Olá Jaqueline, abaixo dois links aqui do blog com receitas. Beijos http://partiuplanob.com.br/como-calcular-o-preco-de-venda-do-bolo-no-pote/ http://partiuplanob.com.br/bolo-no-pote-receitas-e-dicas-de-como-vender/
ELIENE
22 de dezembro de 2015 Responder
Qual o preço que você vende cada potinho?
VANESSA BROLLO
23 de dezembro de 2015 Responder
Olá Eliene, sou a jornalista responsável pelo blog. Sobre preço você tem que falar com a Rhai , que foi quem entrevistei para esse post. No final tem o contato dela. Obrigada pela visita
ROSANA
21 de janeiro de 2016 Responder
Boa tarde Estou com está vontade de faturar ,mais tenho um certo medo. Mais fé em Deus e vamos a luta. Muito linda sua história, Deus ajuda quem cedo madruga . Boa sorte para todos nós!!!
VANESSA BROLLO
21 de janeiro de 2016 Responder
Oi Rosana, sou a jornalista responsável pelo blog. O medo é natural, mas enfrente isso e vá em frente.Fé em Deus, muito trabalho e persistência. A história da Rhai é inspiradora mesmo. Boa sorte e obrigada pela visita ao blog
ANA MARLY
23 de fevereiro de 2016 Responder
Estou passando por isso também desempregada eu e meu esposo irei tentar fazer isso preciso de ajuda sua
VANESSA BROLLO
23 de fevereiro de 2016 Responder
Olá Ana, sou a jornalista responsável pelo blog. O contato da entrevistada dessa matéria está no final,ok? Te desejo sorte
RAY
17 de março de 2016 Responder
Estou numa situação desesperadora, minha irmã já tinha me dado essa ideia e uma amiga me mandou esse site e gostei vou investir e tenho certeza que vou ter sucesso. Obrigado!
VANESSA BROLLO
17 de março de 2016 Responder
Ray, sou a jornalista responsável pelo blog. Vai com fé! Com persistência e muito trabalho sempre dá certo. O bolo tem que ser bem gostoso também, claro. Te desejo sorte e obrigada pela visita ao blog
MARIA
28 de março de 2016 Responder
Meus parabéns pela iniciativa, e principalmente por ensinar a outros o que vcs fizeram.
LISA
31 de março de 2016 Responder
Rhay parabéns,que Deus continue te abençoando grandemente. Me emociono com essas histórias de fé e coragem. Preciso dá o primeiro passo, trabalho ta raro e preciso mim reiventar. Parabéns mas uma vez por sua coragem.
RAYANA
02 de abril de 2016 Responder
Parabéns, eu vendo bolo no pote mas em casa, quero muito vender na rua mais sou muito tímida, não sei nem como oferecer rsrs se poder me dá uma dica agradeço... Bjoks
VANESSA BROLLO
02 de abril de 2016 Responder
Olá Rayana sou a jornalista responsável pelo blog. Perca a timidez menina rsrsrs. Ofereça no comércio próximo da sua casa, em escritórios, salões de beleza. Converse com os proprietários antes, ofereça um bolo de brinde e assim eles autorizam a sua entrada. Aos poucos você vai ficar conhecida. Sucesso pra você e obrigada pela visita ao blog
BOLO DE POTE PARA VENDER
13 de abril de 2016 Responder
A timidez pode ser o maior desafio para quem quer começar um negócio como esse, mas com coragem isso é superado.
VANESSA BROLLO
13 de abril de 2016 Responder
Com certeza Marcia acho que perder a timidez exige treino, aos poucos a pessoa se solta e as vendas acontecem. Obrigada pela visita ao blog
MÁRCIA
17 de abril de 2016 Responder
Amei a história. Tenho fé em Deus que vou conseguir junto com minha mãe a independência financeira que tanto buscamos. Agradeço a jornalista do blog por ter buscado um exemplo tão maravilhoso para acender a chama da esperança num mundo tão mergulhado em negatividade. Parabéns as duas e Deus as abençoe.
VANESSA BROLLO
17 de abril de 2016 Responder
Oi Marcia, sou a jornalista responsável pelo blog. Fico feliz que tenha gostado da história. Também me inspiro com as pessoas maravilhosas que entrevisto e fico feliz de poder compartilhar só notícias boas. Quanto a você continue lutando . Só com persistência e muita fé é que alcançamos o sucesso. Beijos para você e sua mãe
SANDRA ANTUNES
19 de abril de 2016 Responder
Adorei a história! Eu faço tortas.bolos e salgados e vendo através de amigas, no colégio das crianças, no face e no Deliciado
VANESSA BROLLO
19 de abril de 2016 Responder
Que legal Sandra, é isso aí, tem que ir atrás dos clientes. Acredito que se o que você faz é gostoso sempre vai ter mercado. Beijos e obrigada pela visita ao blog
LUCIANE SANTOS
23 de abril de 2016 Responder
estou desempregada ah 2 meses e essa historia me motivou a tentar e ir a luta se vai dar certo so deus sabe mas vou tentar muito obrigada por compartilhar sua historia comigo bjs...
VANESSA BROLLO
23 de abril de 2016 Responder
Oi Luciane, sou a jornalista responsável pelo blog. Que bom que se inspirou com a história da Rhai.Vá em frente mesmo. Com muito trabalho e persistência você consegue.Quando puder leia as outras histórias do blog. Todas muito inspiradoras. Te desejo toda a sorte do mundo. Beijos
LARISSA
26 de abril de 2016 Responder
Boa tarde gostaria de saber qual o preço que você vende os bolinhos?
VANESSA BROLLO
26 de abril de 2016 Responder
Olá Larissa, o contato da empresária que entrevistei está no final do post. Obrigada pela visita ao blog
EVELYN
19 de maio de 2016 Responder
Essa semana comecei a fazer o mesmo e investi R$ 100,00 e montei uma mesinha no centro da cidade onde moro vendermos. Realmente o começo é difícil! Quase chorei quando vi um lucro de R$ 20,00 apenas, mas não vou desistir! Não posso desistir!
VANESSA BROLLO
19 de maio de 2016 Responder
Olá Evelyn, sou a jornalista responsável pelo blog.NÃO DESISTA!!!! No começo é difícil mesmo, mas persista que você vai ter sucesso com certeza. Te desejo muita sorte. Grande abraço.
DEISE XAVIER
15 de junho de 2016 Responder
Boa tarde! Gostaria muito da ajuda de vocês. Sou bombeira, trabalho à noite e estou fazendo bolo no pote durante o dia, para uma renda extra. Porém minhas vendas são poucas. Gostaria de saber onde posso vender mais? Qual o público alvo e o melhor horário para vender o bolo de pote? Obrigada.
VANESSA BROLLO
15 de junho de 2016 Responder
Olá Deise, os melhores horários são no meio da amanhã, quando bate uma fome e , sem dúvida, depois do almoço quando as pessoas querem uma sobremesa. Não sei em que cidade você mora, mas coloca os potes em uma caixa térmica e saia oferecendo nos salões de beleza, em escritórios, para os seus amigos bombeiros mesmo. Certamente eles vão querer levar para os filhos, para a esposa ,para o marido. Você tem página no facebook? Poste fotos que dão água na boca. Faça pequenos vídeos, com celular mesmo, mostrando você preparando os recheios. As pessoas adoram ver foto e imagem de comida. Participa de grupos no facebook? Entre em todos e poste fotos dos seus bolos. OLha, acho que é isso mas, principalmente, não desista. Você viu a história da Rhay, acho que é um ótimo exemplo, ela não teve vergonha de sair oferecendo os bolos. Te desejo muita sorte Vanessa Brollo- jornalista blog Partiu Plano B
SILVANE
24 de junho de 2016 Responder
Peguei esses dados na net: CUSTO X 3 + 10% EX: custo de R$10,00 x 3 = R$30,00 + 10% R$3,30 .Os 10% são para custear gastos que não se pode prever, como no caso de precisar de uma pessoa a mais, gasolina, de buscar um ingrediente que por ventura venha faltar, água, luz, gás etc”. No caso do bolo no pote, ela diz que tem que calcular custo de tudo, massa, recheio, embalagem, etiqueta (se houver) do mesmo modo citado acima. Espero ter te ajudado....
VANESSA BROLLO
25 de junho de 2016 Responder
Olá Silvane, obrigada pela colaboração. Obrigada pela visita ao blog Bjos
DANIELLE
29 de junho de 2016 Responder
Raiany Que história motivadora! estou passando por um problema financeiro e faz uma semana comecei a fazer doce no pote, quem comprou gostou. Espero tb ter esse sucesso!! Sua história me motivou a continuar!
VANESSA BROLLO
30 de junho de 2016 Responder
Olá Danielle, sou a jornalista responsável pelo blog. Fico feliz que a história da Rhai tenha te inspirado. Continue mesmo e tenha muita fé e persistência que tudo vai dar certo. Obrigada pela visita ao blog Vanessa Brollo
KAROL
28 de julho de 2016 Responder
Estou aqui com meus R$9 e alguns ingredientes da minha mãe, criando coragem para começar esse negócio. Estou desempregada, quase noiva e com contas atrasadas. Sou extremamente tímida, mas desde que me deram essa ideia estou ansiosa para começar.
VANESSA BROLLO
29 de julho de 2016 Responder
Karina vai em frente! Ofereça primeiro para os amigos, para os vizinhos. Não é fácil no começo, mas aos poucos você perde a timidez. Boa sorte pra você
VANESSA CORREIA.DE.MORAES
22 de agosto de 2016 Responder
Você poderia me.com ajudar? Tô começando agora então eu fãs só uma vez na semana 50 bolos vendo a 5 reais cada então 250 reais né mas gosto uns 120 reais só pra fazer esses 50 na verdade não vejo muito lucro ou estou fazendo algo errado????
VANESSA BROLLO
22 de agosto de 2016 Responder
OI, sou a jornalista responsável pelo blog, entrevistei a Rhaiany para esse post. No final da matéria tem o contato dela ok? Me desculpe não pode ajudar com essa informação mais técnica Att Vanessa Brollo
ANDREZA
27 de agosto de 2016 Responder
Vai fazer um mês que comecei a fazer bolo de pote e dá certo sim.Ofereci para meus amigos e família,e já consegui clientes para revender,comecei fazendo 15 por semana,as pessoas gostaram e aumentaram os pedidos,estou amando. Outra coisa que me ajudou foi publicar nas redes sociais. Lendo essa matéria me anima mais ainda.
VANESSA BROLLO
28 de agosto de 2016 Responder
Oi Andreza, pelo jeito você está fazendo tudo certinho. Fico feliz que esteja vendendo bem. A história da Rhai é inspiradora né? Conversei com ela recentemente e me confirmou que pelo menos durante um ano a venda do bolo no pote foi a única renda da família. Que você tenha mais e mais sucesso Vanessa Brollo
MICHELLE
14 de setembro de 2016 Responder
Boa tarde! Estou assim nesse começo de batalha. Parece difícil mas eu e meu esposo estamos animados e com muita vontade de crescer! Historia inspiradora! Parabéns!
VANESSA BROLLO
14 de setembro de 2016 Responder
Sou a jornalista responsável pelo blog Michelle. Muito sucesso para você e seu marido nesse momento. Beijos e obrigada pela visita ao blog Vanessa Brollo
LAUDICEIA DA SILVA ALVES
04 de outubro de 2016 Responder
amei a historia e vamos la partir para o plano B trabalho com e-comerce em casa eu e meu esposo mas a crise tem dificultado um pouco as coisas e entao conversando pensamos em ter uma outra renda e essa foi a minha opçao escolhida e vendo a historia de vcs me deu muita força DEUS vos abencoe grandemente e deixo pra vcs SALMOS 23.abraço
VANESSA BROLLO
04 de outubro de 2016 Responder
Olá, sou a jornalista responsável pelo blog. Que bom que a história de Rhai te inspirou. Deus abençoe você e sua família e boa sorte com seu Plano B. Vanessa Brollo
LAUDICEIA DA SILVA ALVES
04 de outubro de 2016 Responder
vcs tem alguma receita mais pratica e quantidade de embalagens que vamos precisar tenho medo de sair na louca e nao sei quantidade exata
VANESSA BROLLO
04 de outubro de 2016 Responder
Puxa Laudiceia a Rhai não vê sempre o blog, se quiser entrar em contato com ela tem o contato no final do post. Nesse link aqui do blog mesmo : http://partiuplanob.com.br/bolo-no-pote-receitas-e-dicas-de-como-vender/ Tem algumas receitas, dicas de cursos de bolo no pote e até alguns testes qeu eu fiz na minha cozinha. Talvez te ajude. Sobre quantidade. Pense em começar pequeno com uns 5 ou 6 potes de cada recheio. Depois você vai perceber qual o sabor que as pessoas gostam mais. Vanessa Brollo
LAUDICEIA DA SILVA ALVES
04 de outubro de 2016 Responder
otimo valeu obrigado vou dar uma olhada ate bjo
JAQUELINE
06 de outubro de 2016 Responder
Oi moro em Cuiabá e também entrei nessa de bolo de pote. Sou professora e trabalho de manhã. Também comecei por causa de problemas financeiro e tinha menos que a Rhai, só $30.00. tem 15 dias que estou vendendo e meu filho vende cerca de 20 na escola e eu mais 20 na escola que trabalho. Beijos meninas e vamos que vamos!!!
VANESSA BROLLO
06 de outubro de 2016 Responder
OI Jaqueline, sou a jornalista responsável pelo blog.Que legal a sua história. Parabéns pra você. Te desejo mais e mais sucesso. Vanessa Brollo
PATRÍCIA MAIARA
13 de outubro de 2016 Responder
Parabéns! Eu estou doida pra começar tenho 65 reais e quero investir vc poderia me dizer q sabores vc começou a vender?vou começar com chocolate beijinho e não sei qual mais quero começar com uns três tipos de sabores me da uma dica!bj
VANESSA BROLLO
13 de outubro de 2016 Responder
OLá Patrícia, te respondi lá no outro blog. O contato da Rhai está no final do post. Att Vanessa Brollo
JESSICA GOMES
12 de dezembro de 2016 Responder
Tenho muita vontade de vender Bolo no Pote também, porém tenho medo de ser um tiro no escuro. De investir e não dar certo. Mas talvez seja apenas medo. Temos que meter as caras e fazer mesmo... Não custa nada tentar.
VANESSA BROLLO
12 de dezembro de 2016 Responder
OLá Jessica, sou a jornalista responsável pelo blog.Se você não tentar não vai saber né? Tenha coragem e vá em frente. Não precisa fazer muito no início, só alguns potes para ver se vai conseguir vender.Depois vai aumentando a produção aos poucos. Boa sorte e sucesso
PRISCILA
18 de janeiro de 2017 Responder
Boa noite... Esse site me deu maior incentivo.... Comecei minha produção... Estou confiante.
VANESSA BROLLO
19 de janeiro de 2017 Responder
Priscila fico muito feliz que o Partiu Plano B tenha te incentivado de alguma maneira. Te desejo muito sucesso. Quem sabe conto sua história aqui? Que Deus te abençoe Abraços Vanessa Brollo
EDSON
21 de janeiro de 2017 Responder
eu me interessei ja trabalho com revenda e queria revender o produtos de voces
VANESSA BROLLO
22 de janeiro de 2017 Responder
Olá Edson, sou a jornalista responsável pelo blog. O contado dos meus entrevistados está no final da matéria ok? Att Vanessa Brollo
GABRIEL
30 de janeiro de 2017 Responder
Eu já quero é vender só que não tem ninguém que queira trabalhar vendendo! O povo reclama da situação mas não quer trabalhar.
ALINE
24 de fevereiro de 2017 Responder
Olá, que bênção sua história. Tmb estou desempregada e já faz uns meses que estou amadurecendo a hídrica e juntando uma graninha para começar. Bom, tenho uma dúvida. Que tipo de vasilhame vcs usam para vender nas rias. Tem que ser inopor???? Já teve problemas de azedar. Tenho essa grande dúvida Obrigada e sucesso. Deus abençoe
VANESSA BROLLO
27 de fevereiro de 2017 Responder
Olá Aline, sou a jornalista responsável pelo blog. Talvez a Rhai não tenha visto a sua mensagem. No final do post tem o contato dela, se quiser manda ruma mensagem por lá talvez seja melhor. Mas olha, da minha experiência entrevistando quem vende bolo no pote posso te dizer que sim, tem que ser um isopor ou sacola térmica, porque o bolo no pote tem validade curta de 3 a 5 dias e precisa ficar em ambiente refrigerado senão azeda com certeza. Abraços Vanessa Brollo
JOZI
02 de março de 2017 Responder
Vanessa, eu queria te parabenizar por fazer seu trabalho com tanto carinho, vi que responde cada leitor do blog com toda paciencia e cordialidade, pessoas de luz e sucesso a gente reconhece, como voce, parabéns por ser assim!!
VANESSA BROLLO
02 de março de 2017 Responder
Jozi obrigada pelas suas palavras. Amo mesmo esse meu trabalho e acho que responder o leitor é o mínimo que posso fazer. Obrigada pelo apoio e pela visita ao blog Abraços Vanessa Brollo
ROSANA OLIVEIRA
09 de março de 2017 Responder
BOA TARDE! AMEI SUA HISTÓRIA QUERIDA.NOSSA !! EXEMPLO E AMOR PELO QUE FAZ.EU MESMO TENHO MAIOR VONTADE,PORÉM MEDO. E OLHA QUE AMO FAZER BOLOS,COMIDAS,DOCINHOS ETC... AMO RENOVAR E INVENTAR BOA SORTE E DEUS ABENÇOE!
KARINA
01 de junho de 2017 Responder
gente eu vo tenta pois eu to desempregada meu esposo tambem e nao e facil nao e Deus disse que e pra eu tenta sim que ele esta no controle
VANESSA BROLLO
02 de junho de 2017 Responder
Karina vá em frente! Que Deus abençoe você e sua família Vanessa Brollo
FILL
15 de junho de 2017 Responder
Parabéns querida. Minha esposa esta pensando em começar a vender assim que entrar um dinheiro extra. espero que obtenhamos sucesso como você conseguiu também. Deus te abençoe cada vez mais!!
SUELY COSTA SANTOS
27 de julho de 2017 Responder
comecei a vender bolo no pote ,mas infelizmente no primeiro dia não vendir nada,no segundo dia vendir uns 5 e no terceiro dia vendir uns 10 mas sempre volto com muito bolo no pote pra casa eu não sei oque estou fazendo de errado,os potinhos em que eu estou vendendo é aqueles quadrados de 200 ml ,vendo por 3 reais.gostaria que vcs me ajudassem,porque não quero desistir,pois estou precisando muito de trabalhar ,já tem 5 anos que estou desempregada por favor me ajudem.meu email é:suely.costa2013@bol.com.br meu zap é 61-999976159
VANESSA BROLLO
27 de julho de 2017 Responder
Mandei a resposta por e-mail Vanessa Brollo- Jornalista
JOCELMA
31 de julho de 2017 Responder
Que bom que encontrei essa história. Eu fiz neste final de semana bolo no pote para vender e confesso que senti vergonha, um pouco de insegurança. Estou passando por uma fase financeira bastante complicada (acredito que muitos de nós estamos) e usei R$50,00 pra comprar os ingredientes. Estou orando a Deus para conseguir alavancar e perseverar como ela. Ler essa história neste momento é uma inspiração pra mim. Obrigada!
VANESSA BROLLO
31 de julho de 2017 Responder
OLá Jocelma, sou a jornalista responsável pelo blog. Quem bom que a história da Rhai te inspirou. Sim, tem que perseverar. Te desejo sorte e sucesso. beijos Vanessa Brollo
IRISMAR DOS SANTOS
15 de agosto de 2017 Responder
Olá Rhay e Vanessa...Bela matéria, pois comecei a vender bolo no pote também junto com minha sócia e minha filha. Só que não paramos por ai...Hoje vendemos trufas de vários sabores, pastéis, pudim e estamos tentando pizza ...não conseguir ainda registrar ou patentear o nome da empresa que criamos, mas, estamos lutando para dá certo. As vendas caíram bastante,após o dia dos namorados, mais, não desistimos...fazemos encomendas de bolo no pote para aniversários e bolos de aniversários, festa na caixa e cesta de café da manha. Gostaria de recomendar a visitas de vocês na nossa página "Doces Envolventes" no Facebook e Instagram. Obrigada pelo espaço de poder expressar a nossa admiração pelo trabalho de vocês.
ANDREZA CRISTINA DE LIMA
29 de agosto de 2017 Responder
olá, adorei sua história. eu tenho 22 anos e estou desempregada, ja havia trabalhado com bolo de pote mas parei, agr vou voltar a luta novamente, e comecei com 38 reais, era td o q eu tinha para comprar os materiais...
VANESSA BROLLO
30 de agosto de 2017 Responder
Oi Andreza, sou a jornalista responsável pelo blog. Eu que fiz a entrevista com a Ray. Te desejo sorte e sucesso!!! Vanessa Brollo
JEOVA
16 de outubro de 2017 Responder
gostei muito desa ideia de vender bolo no pote estava procurando augo para fazer um ganho extra nos finais de semana,e agora deu certo ;
ALESSANDRO DOS SANTOS DAMASCENO
23 de outubro de 2017 Responder
Boa tarde. Comecei vendendo bolos de pote onde eu trabalhava. Sai do emprego, abri minha empresa de sobremesas www.facebook.com/sobremesasalegrei e hoje faturo o dobro do que eu ganhava. Que quer trabalhar é só tirar a bunda do sofá.
VANESSA BROLLO
23 de outubro de 2017 Responder
OI Alessandro, sou a jornalista responsável pelo blog. Concordo com você tem que agir para mudar uma realidade. Sua história parece bem legal. Quando puder me manda um e-mail com um resumo da sua história, quem sabe eu te entrevisto para o blog:blogpartiuplanob@gmail.com Sucesso pra você Vanessa Brollo
VANUSA SILVA
09 de dezembro de 2017 Responder
Vou tentar também .. A crise ta demais vou ver se dar pra conseguir uma renda extra
SIMONE
20 de janeiro de 2018 Responder
adorei o artigo um ótimo recurso para quem quer fugir da crise e sabe cozinha
CURSO DE CONFEITARIA ONLINE
24 de maio de 2018 Responder
Ótimo artigo, realmente precisamos perceverar e seguir em frente com garra e determinação, assim o sucesso vem como consequência. Obrigado por compartilhar conosco.
CAROL
10 de agosto de 2018 Responder
Boa tarde, por quanto vc vende o bolo? e como vc calcula o lucro
VANESSA BROLLO
10 de agosto de 2018 Responder
Olá sou a jornalista que entrevistou a Rhayani para essa reportagem. Já fiz outra entrevista sobre como calcular o preço do bolo no pote. Aqui está o link:http://partiuplanob.com.br/como-calcular-o-preco-de-venda-do-bolo-no-pote/ Att Vanessa Brollo
KLEITON VILLA
03 de setembro de 2018 Responder
Excelente matéria, tirou todas as minhas dúvidas. Minha irmã me chamou para vender bolo de pote com ela.
VANESSA BROLLO
03 de setembro de 2018 Responder
Que legal Kleiton! Boa sorte pra vocês!
DIONAS SALOMÃO LOPES
21 de abril de 2019 Responder
RHAIANY NASCIMENTO MEUS PARABÉNS, POIS MUITOS VIVEM A RECLAMAR, DIZENDO QUE A NOSSA NAÇÃO ESTÁ EM CRISE, QUE ESTÁ CADA DIA MAIS DIFÍCIL GANHAR DINHEIRO, MAIS EU ACREDITO QUE TAIS PESSOAS VIVEM PREZAS NO A COMODISMO E POR ESTA RAZÃO VIVEM EM MEIO AO SOFRIMENTO FINANCEIRO, EU PARTICULARMENTE ACREDITO QUE AQUI NO BRASIL, SÓ NÃO GANHA DINHEIRO QUEM NÃO QUER
Comentário: X
Nome:
Email: