David Gilmor- Partiu Plano B

Por que esse homem chora?

 Desde que comecei a contar histórias de pessoas que realizam sonhos fiquei mais curiosa e acho que até mais sensível sobre o que acontece ao meu redor. Talvez por isso tenha me emocionado com essa imagem. Um homem que chora no meio da multidão. E não foi só um. Tirei essa foto  no show do David Gilmor, em Curitiba. Um amigo já tinha me alertado: ”Se prepara para ver muito marmanjo chorando”. Realmente foi bonito de ver a emoção das pessoas. Homens, mulheres, adolescentes. Todos chorando, cantando, viajando com as canções de um dos integrantes do Pink Floyd. Mas o Eduilsom Andretta, conhecido como Grilo, estava na minha frente.

 David Gilmor- Partiu Plano B

Essas fotos foram logo no início do show. Desculpem a baixa qualidade, foto com celular e com pouca luz. E já nas primeiras músicas ele começou a chorar muito. E foi assim durante todo o show .Ele chorou, cantou junto, tocou uma bateria imaginária. Fiquei curiosa para conhecer a história por trás dessa emoção e quando acabou o show fui lá conversar com ele.

 David Gilmor- Partiu Plano B

Ainda emocionado, ele me contou que  tem 54 anos e quando era menino e morava em Brasília, ganhou dos dois irmãos mais velhos um LP ou bolachão, do Pink Floyd. Os irmãos já morreram e o show foi uma espécie de tributo às duas pessoas que apresentaram a ele esse mundo maravilhoso do rock: “Eu senti que eles estavam aqui hoje”, disse.

Amei o show e adorei conhecer a história do Grilo. Nos despedimos com um abraço.

David Gilmor- Partiu Plano B

6 comentários sobre “Por que esse homem chora?

  1. Que lindo relato! A música tem uma importância extraordinária na nossa vida, nos faz recordar, mexe com os mais profundos sentimentos. Confesso que não vivi essa época do Pink Floyd, mas tenho outros artistas que me emocionam da mesma forma. Parabéns pela sensibilidade em captar isso. Beijos querida!!

  2. Vanessa que lindo! Muita sensibilidade sua em registrar e nos doar esta história!
    Seu blog está muito mais lindo porque, além de nos contar histórias de buscas de sobrevivência, no campo econômico, nos mostra esta de busca – e de encontro – no campo emocional! Obrigado

    • Que bom que gostou Silvana. Me emocionei vendo a emoção desse homem e não resisti , quis compartilhar com os leitores do Partiu Plano B. Estou percebendo que tudo pode nos inspirar, inclusive histórias de vida como essa. Grande beijo e obrigada pela visita.

  3. Realmente muito linda a história, me emocionou, eu sei exatamente o que ele sentiu quando eu fui no show da minha banda favorita pela primeira vez. São várias emoções misturadas, é realmente incrível. Parabéns pelo site, é realmente muito bom.

Deixe um comentário