Panificadora drive thru pode render 14 mil reais por mês

15 de agosto de 2015 por Vanessa Brollo
A ideia de uma panificadora drive thru, onde você compra pão, sem sair do carro, é dos paranaenses César Augusto Bonato e Robson Bonato Ribas. Os dois primos, que atuam  no ramo da construção civil, começaram a pensar em um Plano B para comprar pão porque têm filhos pequenos e perceberam no dia a dia a dificuldade de parar na panificadora quando estavam com os bebês. “Tem que tirar a criança da cadeirinha, enfrentar chuva, frio, esperar na fila. Assim começou o nosso projeto”,explica César. Pani drive thru- Partiu Plano B Foram dois anos de estudo até chegar ao formato que está em teste em Curitiba. O projeto modelo já vende 500 pães por dia, além de pão de queijo, bolos ,doces e salgados. “Em um mês vendemos 1.500 coxinhas já perdemos a conta de quantos pães de queijo”,comemora o empresário. Segundo César, o sucesso é uma prova de que a franquia pode ser um bom negócio para quem está procurando uma ideia, um Plano B. A franquia custa R$165.000,00, com os equipamentos, primeiro pré-estoque e divulgação de 15 dias. E apesar dos empresários também darem assessoria em relação ao ponto, se alguma coisa não der certo eles conseguem mudar toda a estrutura em 2 ou 3 dias. A previsão de retorno do investimento é de 15 meses, com rentabilidade de 60 mil e lucro de 14 mil reais por mês. A estrutura consiste em dois containers. No que fica em cima são instalados os fornos que assam os pães e onde trabalha um funcionário. Na parte de baixo, o atendimento é feito por dois funcionários. O desafio é fazer um atendimento em um minuto. E eles estão tendo que se agilizar mesmo. Nos horários de pico, 40 carros chegam a passar pelo drive thru. O  Igor e o Catalão  garantem que dão conta. Pani drive thru- Partiu Plano B E a ideia, que nasceu de uma necessidade do César e do Robson de facilitar a compra de pão quando os dois estivessem com os filhos, acabou agradando outros pais.  “70% dos cliente  que passam na franquia são pessoas que têm bebê no carro, a maioria mulheres”, conta o empresário. Os primos comemoram o sucesso da ideia e já estão analisando alguns pedidos de compra da franquia que, segundo César, ainda tem outra vantagem: “Não tem crise pra pão”. Se você, assim como eu AMA pão, também vai adorar a história da empreendedora que faz PÃES ARTESANAIS de dar água na boca e  vai se inspirar com o exemplo da Ariadne que com a PANI EM CASA, leva a panificadora até a casa dos clientes.  

As dicas do César

-Tem  que ter disposição para trabalhar você vai acordar cedo, dormir tarde e trabalhar domingo. Quanto mais trabalhar mais vai ganhar -Nós temos um estudo que vai ajudar na escolha do ponto, mas o próprio dono da franquia pode usar a experiência pessoal, se ele é do bairro, se conhece a vizinhança. 50% do negócio é o ponto - Nosso modelo de atendimento tem por base redes gigantes que conseguem preparar lanches completos em poucos minutos.O investimento em sistema e treinamento de pessoal é essencial para que o modelo funcione   Pani drive thru- Partiu Plano B          
COMENTÁRIOS
Adicione um comentário
Nome:
Email:
CESAR BONATO
17 de agosto de 2015 Responder
Vanessa!!! Agradecemos e adoramos a participação em seu blog.
VANESSA BROLLO
17 de agosto de 2015 Responder
Obrigada você Cesar pela oportunidade de contar a história dessa ideia. Um sucesso que está só começando.
FERNANDA
18 de agosto de 2015 Responder
Que ideia bacana! Realmente é complicado ir na padaria nos dias de chuva, ainda mais quando temos que deixar o carro longe... Sem contar as filas, que às vezes nem dá coragem de enfrentar. Quanto melhor o pão, maior a fila... rs... Adorei o post! Beijos!! Fernanda.
VANESSA BROLLO
18 de agosto de 2015 Responder
Obrigada Fer querida. Achei uma ideia ótima também e até nesse sistema eles já estão tendo filas, mas pelo menos a gente pode ficar dentro do carro né? Beijos e obrigada pela visita
LUCÉLIA
25 de abril de 2017 Responder
Ideia Fantástica! Só quem tem um Bb pequeno sabe o quanto isso faz falta! Amei!
PATRÍCIA GOMES
25 de abril de 2017 Responder
Onde fica, Vanessa?
VANESSA BROLLO
25 de abril de 2017 Responder
Oi Patrícia, quando entrevistei os empresários eles estavam com essa panificadora piloto no bairro Fazendinha, mas não está mais lá. Eles estavam tentando vender franquias . No final do post tem o contato deles. Beijos Vanessa Brollo
Comentário: X
Nome:
Email:
';