8 características para quem deseja empreender, de acordo com o Sebrae

21 de fevereiro de 2021 por Vanessa Brollo

Certas habilidades são essenciais para qualquer segmento de empreendedorismo. A boa notícia é que todas são passíveis de serem cultivadas e desenvolvidas. O consultor do Sebrae/PR, João Luis de Moura, explica que alguns desses atributos são essenciais para o sucesso do negócio. “Se organizar minimamente é obrigatório. Mesmo que o futuro empreendedor tenha urgência em iniciar um novo negócio, o planejamento irá permitir um olhar para os pontos fortes e fracos desse empreendimento”, explica.
O consultor ainda ressalta que o planejamento básico deve responder a algumas perguntas simples, como: Quem é o cliente que eu vou atender? O que eu vou oferecer que “brilhe os olhos desse cliente” ou seja qual é o meu diferencial? Como está esse mercado que pretendo atuar? Quais são os principais comportamentos do meu consumidor? Quanto tenho disponível em recursos financeiros para investir? Quanto vai custar mensalmente esse negócio?
Confira a seguir uma série de qualidades essenciais para fortalecer o seu potencial como empreendedor.

 

Iniciativa
A iniciativa é um dos componentes essenciais para o empreendedorismo. “Antes de tudo, é preciso ter a iniciativa de colocar esse sonho ou necessidade em prática. Empreender exige protagonismo, muitas pessoas pensam em fazer, poucas pessoas colocam pensamentos e sonhos em prática”, analisa.Empreendedores são pessoas que não ficam à espera de uma solução, mas sim, criam oportunidades com os desafios que a vida apresenta, seja lançando um serviço, um produto ou atendendo a uma necessidade local. O empreendedor age com proatividade nas situações, em busca de possiblidades para expandir seus negócios, e aproveita momentos incomuns para progredir.

Curiosidade

Uma pessoa empreendedora tem sede de informação e conhecimento. Está sempre em busca de novidades em sua área de atuação, lê notícias, observa comportamentos, fica de olho em tendências, estuda a concorrência. Essa busca motiva a sua criatividade e aumenta o seu comprometimento com o negócio. Quando ela decide empreender ou fazer mudanças, tem mais confiança. Essa busca por fatos e dados sobre o que está acontecendo em sua área de atuação facilita a tomada de decisão.

Assertividade

Empreendedores tomam decisões todos os dias e para isso precisam estar seguros. A própria decisão de montar o negócio já exige um nível de assertividade. Essa característica é desenvolvida a partir da curiosidade. Estar atualizado, bem informado sobre o seu segmento, ter um plano de negócios, ajuda bastante a pessoa a fazer escolhas de forma consciente e equilibrada.

Corre riscos

Empreender é arriscar, é testar, avaliar, avançar e muitas vezes recuar. Em todas essas etapas é preciso ter planejamento e calcular todos os fatores envolvidos. Um bom empreendedor corre riscos de forma inteligente, com possíveis lucros e perdas desenhados. Ele procura e avalia alternativas para tomar decisões, buscando reduzir as chances de erro e aceita desafios moderados, com boas chances de sucesso. O empreendedor faz tudo o que for necessário para ter êxito, ou seja, não é atormentado pelo medo paralisante do fracasso.

Comprometimento

Ainda de acordo com o consultor do Sebrae/PR, o comprometimento também é primordial no negócio. “Para dar conta dos desafios é preciso comprometimento. Empreender é correr riscos e provavelmente você vai ter muito mais trabalho do que como empregado. Será o primeiro a chegar e o último a sair. Um negócio envolve mais pessoas como clientes, colaboradores e fornecedores. O empreendedor é quem conecta todas essas partes, por isso o comprometimento é essencial para atingir os resultados”, diz Moura.

Estabelecer metas e resultados

Um empreendedor de sucesso tem organização, planejamento e conhece sua empresa para colocar metas e resultados. Os objetivos são claros e definidos para curto e longo prazo. Toda a equipe tem contato com esses planos e é motivada a perseguir o caminho. Os objetivos traçados precisam ser desafiantes, mas sempre conectados com a realidade da empresa. A ideia é que esses números reflitam o desenvolvimento do empreendimento.

Facilidade em comunicar e persuadir

Qualquer empreendedor é um vendedor. Ele precisa convencer outras pessoas sobre a importância do seu produto/serviço. Por mais que não esteja na linha de frente das vendas, o empresário vai precisar se comunicar com fornecedores, investidores, compradores, revendedores... Essa rede de contatos é fundamental para a manutenção do negócio, assim como para a possibilidade de gerar novos negócios. Por isso, desenvolver a habilidade de uma comunicação amigável e persuasiva é primordial.

Autoconfiança

O primeiro a acreditar no seu modelo de negócio precisar ser o próprio empresário. A partir disso, será possível convencer cada vez mais colaboradores e clientes de que o produto ou serviço oferecido é rentável. Pessoas empreendedoras são capazes de motivarem a si mesmos em relação aos desafios e às tarefas nas quais acreditam. Não necessitam de prêmios externos, como compensação financeira.


Com informações da assessoria de imprensa do Sebrae

 

';