Fernanda 1 valendo

Plano B: Ter mais qualidade de vida

 

A jornalista Fernanda Borges mora em Londrina, norte do Paraná, e hoje sabe bem oq ue é qualidade de vida, mas…desde que se formou, em 2005,  entrou em um ritmo insano de trabalho. “Acordava cedo, ia para a academia, trabalhava até a noite e ia para casa dormir, morta de cansaço”. Como era pauteira (produtora) de TV, da RPC, afiliada à Rede Globo no Paraná,  mesmo quando estava de folga ela não desligava e passava horas lendo notícias. Eu trabalho em TV, já fiz pauta e não é fácil mesmo gente.

Quando já estava cansada demais e também decepcionada com a profissão que escolheu, ela decidiu partir para o Plano B: “Percebi que a minha qualidade de vida é mais importante que qualquer coisa, que o dinheiro é importante, mas não é tudo”. Fernanda diz que também sentia falta de ter tempo para os amigos de verdade, de estar entre as pessoas que acreditam em uma vida mais simples por meio da verdade e da espiritualidade.

Fernanda 2 valendo

Junto com o namorado, que também abandonou a vida de assistente social na prefeitura de São Paulo, para ter uma vida mais livre, ela começou a pintar camisetas com a técnica da serigrafia  e a produzir  botons, chaveiros e canecas.

Fernanda 3 valendo

 

 

 

Assim nasceu a marca Viver Utopia. ”O nome surgiu justamente porque acreditamos   que é possível um mundo melhor sem guerras, disputas, preconceitos ou estresses financeiros”. A logo tem uma borboletinha que, segundo Fernanda, representa a liberdade, os verdadeiros sentimentos, sem medos ou amarras.

Assim como encontrou uma maneira de ser mais feliz, a Fernanda quer inspirar os clientes  através das mensagens das camisetas. ”Tentamos fazer com que as pessoas se lembrem que consumismo não é tudo e que as pessoas podem encontrar a felicidade nas coisas mais simples da vida”.

Fernanda 4 valendo

 

O material é vendido  em feiras, congressos, encontros de estudantes e mais recentemente pela internet. Ela confessa  que ainda tem muito que aprender como artesã mas, com a tranquilidade comum de quem toma a decisão de ser feliz, por enquanto ela comemora a liberdade.

“Hoje acordo na hora que quero e faço o que acredito. Se vendemos nosso material, temos dinheiro, se não vendemos, não temos. E a vida vai acontecendo todos os dias  com seus mistérios, alegrias e  surpresas”.

 As dicas da Fernanda

– Acredite que é possível mudar a sua condição atual desde que a nova busca seja algo que vá te fazer feliz

-Não tenha medo, não se prenda às questões materiais. Faça uma reserva mínima para que o medo não te trave e entre de cabeça naquilo que acreditar

-Busque fazer o que você gosta e acredita. Tem que ser algo que faça seu coração pulsar

-Quando as coisas são feitas com a empolgação da alma, tudo flui. Não há obstáculos que possam te atrapalhar

viverutopia@gmail.com

 

 

7 comentários sobre “Plano B: Ter mais qualidade de vida

  1. É muito interessante o que percebi nas fotos que você tira das pessoas entrevistadas: um brilho nos olhos e um sorriso de satisfação. Todas, sem exceção, estão com esta expressão no rosto. Como é bom contar histórias de pessoas felizes! Beijos!
    Fernanda.

Deixe um comentário