Nanica- Partiu Plano B

O jovem empreendedor que chega a vender 2.500 fatias de banoffee em um fim de semana

Aqui em Curitiba a torta banoffee é bem comum, mas se você nunca ouviu falar nesse tipo de torta, eu explico: uma camada de massa de bolacha,  mais um camada de doce de leite, banana e cobertura de chantily. Sim, fica uma delícia! E é com essa delícia que o jovem empreendedor Leonardo Macedo está conquistando São Paulo. Ele já chegou a vender 2.500 fatias em um final de semana e já há 4 meses é líder de venda de doce delivery pelo Rappi. Muito sucesso né?

Nanica -Partiu Plano B

Não faz nem um ano que essa história de sucesso começou . O Leonardo é chefe de cozinha e chegou a ter um bar em Curitiba. Quando  chegou em São Paulo, foram os amigos, que já conheciam o trabalho dele que deram a dica: “Faça banoffee”.  Ele e o sócio Tito Barcellos começaram  em um espaço de 6 metros quadrados na Rua Augusta. Muita gente nem conhecia a banoffee, então o chefe começou a oferecer degustação de graça. Deu muitas fatias para que as pessoas conhecessem o produto. O empresário também deixou a banoffee  “instagramável”, com fotos de dar água na boca!!!

Nanica -Partiu Plano B

Os amigos também ajudaram e amigos famosos hein? Entre eles está o cantor e ator Tiago Abravanel e o cantor Di Ferrero. Bastou alguns Stories no Instagram   para que outros famosos fossem fisgados pelo doce.

Nanica -Partiu Plano B- 3

A Maísa, atriz do SBT se tornou cliente fiel e a cantora gospel Priscilla Alcantara também não resistiu. E o que acontece quando os famosos gostam de algum produto ou serviço? Eles postam!!!!  A atriz Bruna Marquezine por exemplo, provou , aprovou e postou. Depois que ela  citou a banoffee do  Nanica Brasil nas redes sociais, o perfil da empresa do Leonardo ganhou 7 mil seguidores em apenas 24 horas. Sim, os amigos e a aprovação dos famosos foram essenciais, mas quem experimenta a torta não tem dúvida de que o sucesso é merecido. O espaço de 6 metros quadrados continua o mesmo e é um ponto de vendas, mas a cozinha precisou crescer e já ocupa um espaço de 50 metros quadrados, logo atrás do ponto de venda. E nos fins de semana, além dos 6 funcionários fixos, o empresário precisa de pelo menos mais seis pessoas para dar conta da produção.

As dicas do Leonardo

-Acredite no seu produto e no que vai fazer

– Empreender significa renúncia. Se você quer fazer acontecer esteja preparado para dizer não para todo o resto

– Use e abuse das redes sociais

@nanicabrasil

Nanica- Partiu Plano B

 

2 comentários sobre “O jovem empreendedor que chega a vender 2.500 fatias de banoffee em um fim de semana

Deixe um comentário