Du André- Partiu Plano B

O artista precisou se reinventar e hoje aproveita todo o  talento na culinária

O artista autodidata, André Luiz Burigo, começou com a técnica da aerografia em tecidos e também trabalhou personalizando pranchas de surf e capacetes. Morou durante 22 anos em Portugal e a esposa  dele, Tereza Cristina,  chegou a morar lá junto o marido por 4 anos, mas a grave recessão econômica na Europa fez com que o casal voltasse ao Brasil. Apesar do seu dom artístico, a pintura não foi suficiente para mantê-lo financeiramente. Era hora de se reinventar de ter um Plano B. Incentivado pela esposa, fez um curso de chef de cozinha, onde descobriu que o talento como artista poderia ser aproveitado na culinária. Depois de fazer estágios em restaurantes como auxiliar de cozinha, o André decidiu criar a própria marca e resgatou a forte ligação que tinha com Portugal.

Du André- Partiu Plano B

Começou a produzir doces conventuais portugueses ( aqueles doces tradicionais produzidos nos conventos de Portugal e feitos normalmente com muito açúcar e gemas de ovos) . “Fazemos também pratos à base de bacalhau e outros itens da culinária internacional como quiches, lasanhas artesanais, fudges de chocolate,entre outros”. A Tereza é designer gráfica e depois de um tempo viu que a empresa do marido precisava da ajuda dela para crescer. Partiu Plano B junto com o André e hoje  é responsável pelo atendimento ao cliente, vendas, divulgação e identidade visual da marca. Ela e o marido acreditaram em um sonho e hoje estão vivendo dele.  Vender primeiro para os amigos e os familiares , segundo a Tereza,  foi  como uma “banca de mestrado”. “Mas o que nos deu visibilidade, foi a participação em feiras e bazares. A dica é estar onde o público está para fazer clientela e divulgar a marca”. Os dois sabem que estão em uma área que tem muita concorrência e para se destacar a Tereza acredita que fotos bem tiradas fazem toda a diferença nas redes sociais.

Du André -Partiu Plano B

É fundamental  publicar fotos reais dos produtos que se comercializa. É muito importante que, quando o cliente leva seu produto para casa, seja exatamente como aquele que ele viu nas fotos das redes sociais. A verdade se destaca sempre”. 

A Tereza diz que a publicação de fotos e vídeos na produção e da equipe também ajuda muito, porque as pessoas gostam de ver como é feito e quem está por trás daquela marca. O casal também gosta de contar as histórias dos doces que vende.  “Principalmente dos doces portugueses que trazem em si, uma forte ligação com a cultura portuguesa”.

As dicas do casal

-Primeiramente, acreditar em seus sonhos. Não se deixar abater pelas dificuldades.

-Para empreender na área da gastronomia é muito importante se profissionalizar e se atualizar constantemente.

-A terceira dica é trabalhar muito. Engana-se quem acha que ter seu negócio próprio irá trabalhar menos. A dedicação é total e intensa. Por isso, precisa gostar muito do que faz!

 

(41) 99604-2615 | 99886-2148

facebook.com/duandreculinaria

Rua Curupaitis, 1654 – loja 4 – Sta Quitéria- Curitiba

Du André -Partiu Plano B

 

 

11 comentários sobre “O artista precisou se reinventar e hoje aproveita todo o  talento na culinária

  1. Eu adoro todos os produtos produzidos por Du André!!! Estão sempre fresquinhos e são feitos com produtos selecionados e com muito amor! Vale a pena experimentar!!!

  2. Esssa dupla é fantástica !
    São caprichosos e dedicados .
    O que produzem tem um sabor autêntico .
    Posso afirmar que trabalham dentro das normas rígidas de higiene alimentar, pois acompanhei o processo!
    Parabéns e muito sucesso!
    Marina Munhoz
    Nutricionista
    CRN 659

Deixe um comentário