Fotografia Documental-Partiu Plano B

A fotografia documental conquistou o coração da ex-farmacêutica

A fotografia documental não tem direção, não tem pose, é a vida como ela é no momento em que acontece.E foi esse estilo de fotografia que mexeu com o coração da Letícia Maia. Ela é farmacêutica de formação e trabalhou na área por seis anos, mas confessa que nunca foi totalmente feliz com seu trabalho.Quando o filho mais velho dela nasceu, viu que era hora de mudar, mas ainda não sabia para onde queria ir. Descobriu qual seria o seu Plano B quando ganhou um sorteio de ensaio de família.

Fotografia Documental-Partiu Plano B

Inspirada em um fotógrafo paulista, com quem fez um curso em SP, a Letícia começou. Ela é quem vai para a casa das famílias e com a câmera em mãos registra cenas cotidianas para ilustrar a memória real das pessoas.“Quando chego na casa de um cliente, é claro que todos ficam mais  inibidos e inicialmente não tão naturais e à vontade como desejado, mas com o passar do dia as pessoas se soltam, as crianças voltam a brincar e a fazer suas tarefas. É aí que acontece a magia do dia a dia, que tantas vezes é tão pesado para nós, mas é o que forma o caráter e memórias de nossas vidas”.

Fotografia Documental-Partiu Plano B

As cenas não tem um “diretor” como aquelas fotos tradicionais, posadas. A ideia é que o profissional não interfira, ou interfira o mínimo possível, nos processos. O objetivo é eternizar emoções, momentos de atritos, como a birra do filho mais novo, do jeito que realmente é. Tudo o que acontece na vida de uma família é registrado através das lentes da câmera.“Tem uma foto minha que gosto muito quando eu estava dando comida para meu filho caçula. A foto retrata bem o momento: eu sentada, com cara de cansada, exausta e meu filho brincando”, cena muito comum na minha rotina, pois ele é difícil para comer, conta Letícia.

As dicas da Letícia

-Aprender sobre marketing, contabilidade, porque mesmo que se tenha alguém para tratar disso em sua empresa, será necessário estar a frente de tudo.

-“Time que está ganhando não se mexe” é furada! É preciso se atualizar sempre, e testar novas possibilidades.

-Acreditar no seu trabalho e na diferença que ele faz na vida das pessoas e na importância que ele tem em nossas vidas.

 

(21) 99638-2004

Facebook – www.facebook.com/leticiamaiafotos

Instagram – @leticiamaiafotografia

Fotografia Documental-Partiu Plano B

Deixe um comentário