The king's Brownie -Partiu Plano B

Foi atrás dos clientes e hoje vende 600 brownies por dia

Antes de chegar à receita de brownie que considera ideal o Fernando Henrique da Silva e a esposa dele, a Daiane Alves, jogaram pelo menos 80 formas fora. Essa persistência, comum a todo empreendedor, ele tem desde os 14 anos quando teve um lava car quando ainda morava no Mato Grosso do Sul.

The king's Brownie -Partiu Plano B

Em 2010 se mudou para Curitiba para fazer um curso de mecânica e começou a trabalhar com pintura de tratores em uma multinacional. Mesmo com emprego fixo sempre pensava em um Plano B e por isso mantinha um carrinho de cachorro quente. Ele chegava a ficar a noite toda vendendo cachorro quente e ia direto para a fábrica às seis da manhã.. “Fiquei um ano trabalhando 24 horas por dia e quase caía de cansaço”. Nessa época, mesmo trabalhando direto ele começou a pensar  em fazer algo mais pra vender. Daí surgiu a ideia do brownie. O Fernando levava os doces para vender na empresa e os colegas, mesmo reclamando que estava caro, compravam tudo.

The king's Brownie -Partiu Plano B

Quando a crise chegou pra valer, a empresa multinacional  começou a perguntar quem gostaria de aderir ao plano de demissão voluntária. O Fernando aceitou e foi considerado maluco pelos colegas. Mas ele já tinha conseguido fazer o brownie que considera perfeito, aquele molhadinho por dentro e com casquinha por fora, sabe? Não teve dúvida e Partiu Plano B , com a certeza que seria o melhor vendedor de brownies. O Fernando gosta muito de uma frase que ouviu em algum lugar: “Quem quer vencer não tem fome, frio ou sono”. “Eu acredito muito nisso”.

The king's Brownie -Partiu Plano B

Mesmo com toda essa determinação, o  início não foi fácil. O Fernando me disse que é muito tímido e para entrar em um café e oferecer o brownie ficou dando voltas em frente do lugar até tomar coragem .”Passei 10 vezes na frente , entrei e ofereci. A pessoa já ficou”. E foi assim, indo atrás dos clientes, que hoje os brownies estão em 130 pontos . Ele chega a vender 600 doces por dia, já alugou um espaço para montar uma cozinha industrial e junto com a esposa comemora o sucesso. Ah! e mais um detalhe, vendendo brownies o Fernando ganha 3 vezes mais do que ganhava na multinacional.

As dicas do Fernando:

– Nunca crie um negócio apenas para fazer dinheiro, crie um negócio que faça a diferença. Foque sempre no bem estar do cliente, o lucro é consequência  disso e não espere o cliente ir até você, ele pode estar te esperando.

-Se você acredita no seu produto ou na sua ideia, lute, corra atrás, não deixe que ninguém mate o seu sonho. Sonhar pequeno e sonhar grande dá o mesmo trabalho. O sucesso só depende de você.

-Ser empreendedor não é fácil, os problemas são diários. Se você acha que trabalha muito em seu emprego atual e quer empreender para trabalhar menos, esqueça, você vai trabalhar muito mais, pois antes você trabalhava pelo sonho de outra pessoa, agora vai trabalhar pelo seu e acredite, vale muito mais a pena

www.facebook.com/thekingsbrownie

 

Deixe um comentário