Xa comigo- Partiu Plano B

A confeiteira abriu a própria casa para receber pequenos grupos para tardes com chá, delícias e boa conversa

Receber bem é um dos talentos da confeiteira Beatriz Matoso, que já há alguns anos produz e vende doces e bolos. E foi ao preparar uma mesa linda para receber uma amiga que ela foi incentivada a fazer algo diferente. Porque não abrir a casa para receber pequenos grupos para tomar chá e comer as delícias que a confeiteira faz?

Xa comigo -Partiu Plano B-2

Quando outras duas amigas que nem se conheciam também deram a mesma ideia, a Beatriz não teve dúvidas de que podia mesmo inovar. “Desafiei a minha própria coragem, porque eu penso muito antes de dar qualquer passo”. Segundo a confeiteira, essa  é uma tendência na Europa, receber em espaços mais intimistas, mais acolhedores.

Xa comigo -Partiu Plano B

A ideia é receber 4 amigas que podem escolher entre 3 opções de cardápios com itens exclusivos feitos pela confeiteira, que pode ser chamada a qualquer momento  ao som de um sininho que fica na mesa. Além de resgatar os reencontros de amizade e a confraternização, a proposta da Beatriz é proporcionar um ambiente tranquilo, sem filas, sem conversas paralelas e com todo conforto. “Eu adoro receber pessoas, principalmente promover o bem estar delas com boa comida, boa prosa… amo deixar as pessoas felizes.”

As dicas da Beatriz:

-Explore seus pontos fortes e desenvolva aquilo que precisa.

-Procure promover o encantamento das pessoas

-Não faça por fazer, só visando lucro, procure agregar valor e não preço. Preço é o custo, valor é o que você agrega para seu cliente.

-Recicle-se, veja o que seu concorrente está fazendo, não copie, crie sua própria identidade.

www.facebook.ocm/Beatriz Arte Confeitaria 

Xa comigo -Partiu Plano B

 

 

Deixe um comentário