Nutfree- Partiu Plano B

Começaram na cozinha de casa produzindo alimentos saudáveis e este ano devem ter um faturamento de R$ 2,5 milhões

A Débora Trinkaus e o Renato Lima decidiram empreender com alimentos saudáveis porque perceberam que era um mercado que estava crescendo. Os dois  trabalhavam como vendedores de carros, mas viram que as marcas que atendiam esse nicho de alimentos saudáveis ou eram importadas e caras ou não tinham um mix grande de produtos ou não tinham produtos saborosos. Começaram na cozinha de casa e nos dois primeiros anos fizeram cursos e muitas pesquisas e testes para desenvolver um mix de farinhas adequado para a fabricação dos produtos. Segundo a Débora o início foi bem complicado porque eles foram de porta em porta para vender o produto em panificadoras e em empórios. Receberam muitos “nãos”, mas não desistiram. “Conforme conseguimos entrar nos clientes maiores e nas grandes redes de varejo da cidade houve um efeito cascata, pois gradualmente a marca ganhou credibilidade”. A empresa também cresceu conforme aumentou a procura por alimentos saudáveis e produtos para atender pessoas com restrições alimentares. Além disso, os produtos sem glúten e sem lactose entraram na moda. Criada em 2015 na cozinha da casa do casal a partir de um investimento de R$ 1,5 mil, a Nutfree faturou R$ 1 milhão em 2018. Para 2019, o planejamento prevê o faturamento de até R$ 2,5 milhões.

Nutfree- Partiu Plano B

A empresa ainda conquistou um aporte financeiro ao participar do programa de tv de empreendedorismo Shark Tank Brasil, do canal por assinatura Sony. “Participamos do programa com uma estratégia de expansão formulada que era franquear fábricas pelo Brasil e, no último minuto, saímos de lá com investimento para montar uma fábrica em Santa Catarina.  É um local estratégico porque é o estado brasileiro com o maior número de pessoas com algum tipo de intolerância alimentar”, explica Débora Trinkaus, após conseguir o aporte de R$600 mil do empresário João Appolinário, presidente, proprietário e fundador da Polishop.

Nutfree -Partiu Plano B

As dicas dos empresários:

O não você já tem – Se mexa, saia do lugar, faça uma primeira tentativa. Se você não tentar, nunca vai saber.

Aceite os problemas– Problemas sempre vão existir. A gente já percebeu que os problemas só mudam de tipo e dimensão conforme o tamanho da empresa. Por isso, não tenha medo. Encare os problemas de frente, não se preocupe em achar culpados, resolva-os e siga em frente.  Problemas fazem parte da vida e fazem parte de ter uma empresa.

Estabeleça um grande objetivo e quebre ele em mini metas diárias – Reflita para aonde você quer ir com a empresa, qual é o seu objetivo de negócio. Eu escuto muito as pessoas falando que querem ficar ricas e ter uma empresa de sucesso. Isso é um objetivo, mas se a pessoa não quebrar esse grande objetivo em pequenas metas diárias não adianta falar para sua mente o seu objetivo se você não tiver ideia do que deve ser feito hoje, agora, para começar a conquistá-lo. Então, a minha última dica é quebre seu grande objetivo de vida em mini metas diárias e tenha disciplina para colocar-se diariamente no caminho certo para conquistá-lo.

www.nutfree.com.br

Deixe um comentário