De dona de casa a empresária do ramo da gastronomia

De dona de casa a empresária do ramo da gastronomia

Para a Carmen Maria Czastka ser dona de casa foi uma opção. Ela se casou cedo, aos quinze anos, e logo teve o primeiro filho. Até tentou deixar um tempo na creche, mas como ele ficou doente decidiu sair do emprego. A Carmen teve ainda mais dois filhos. Para reforçar a renda, o marido, José … Leia mais…

Escritora de cartas usa as palavras para comunicar e emocionar

Escritora de cartas usa as palavras para comunicar e emocionar

A Elisa de Andre Motta é uma escritora de cartas. Isso mesmo! Em tempos de tanta tecnologia, consegue emocionar as pessoas com cartas. Ela me contou que após 10 anos na carreira corporativa em marketing, a chegada da filha a fez despertar para uma vida com mais propósito e felicidade. Começou a empreender e mesmo … Leia mais…

Para sair de um mercado saturado, empresário se reinventa e em um ano fatura R$ 4 milhões

Para sair de um mercado saturado, empresário se reinventa e em um ano fatura R$ 4 milhões

O Rafael Soares sentiu na pele o problema de estar em um mercado saturado e precisou se reinventar . Ele é daqueles empreendedores que nasceram para isso. Aos 25 anos abriu sua primeira empresa, a  rede de franquias Yoguland. Fundada em 2009, em Curitiba, a rede  chegou a ter 50 lojas franqueadas, inclusive unidades na … Leia mais…

Depois da tristeza por perder o emprego, a alegria de trabalhar com festas personalizadas

Depois da tristeza por perder o emprego, a alegria de trabalhar com festas personalizadas

E o que era um hobby se transformou em negócio. A Vanessa abriu a Plano B Festas Personalizadas . Adoro Plano B rsrsr. A empresa está completando um ano, com a proposta de emocionar as pessoas com decorações afetivas e exclusivas. “O nosso compromisso com nossos clientes vai além do óbvio,do paupável….tô falando de sentimento, paixão…entrega! E isso não está no contrato”.

Empreender com um serviço de aluguel de roupas para o dia a dia

Empreender com um serviço de aluguel de roupas para o dia a dia

A Rafaela Gabardo só percebeu que tinha muitas roupas quando estava se mudando de São Paulo para Curitiba e teve dificuldade para trazer tudo o que tinha no armário. “Eu doei muita coisa, mandei  caixas pelo Correio  e ainda precisei gastar cerca de R$300, em bagagem extra, pra conseguir trazer tudo!”.  E essa foi a … Leia mais…

Ela foi atrás de um sonho e hoje é dona de uma rede de restaurantes 

Ela foi atrás de um sonho e hoje é dona de uma rede de restaurantes 

A Maria Selma Mata hoje é chefe de cozinha, dona de uma rede de restaurantes, mas já  passou por muitas dificuldades para  sustentar os cinco filhos. Essa história de empreendedorismo e superação  começa em Ipiaú, no interior da Bahia. Quando  a Maria Selma ainda era adolescente, chegou a abrir um restaurante na garagem de um … Leia mais…

Deixou as aulas de inglês para fazer arte com feltragem

Deixou as aulas de inglês para fazer arte com feltragem

Esses colares lindos das fotos são feitos com a técnica de feltragem molhada. A Gabriela Leão explica que é um processo em que se molda lã de ovelha e outras fibras naturais através do toque, com água e sabão. A união das fibras dá origem ao tecido feltrado, que foi a primeira forma de tecido … Leia mais…

O analista de sistemas abriu uma pizzaria para celíacos

O analista de sistemas abriu uma pizzaria para celíacos

Quando a esposa e o filho do Álvaro de Albuquerque foram diagnosticados como celíacos, a rotina da família mudou completamente. Eles que gostavam muito de sair para comer fora tiveram que se planejar melhor. E como o Álvaro sempre gostou de cozinhar começou a fazer testes de pratos livres de glúten na cozinha de casa. … Leia mais…

Em um ano faturamento de R$ 1 milhão com brechó online

Em um ano faturamento de R$ 1 milhão com brechó online

A ideia  inicial era de um brechó com roupas de crianças. Isso porque a Luanna Domakoski estava  grávida e quando foi fazer o enxoval percebeu que as roupas infantis são caras e geralmente usadas por pouco tempo. Nessa época ela e o marido o Henrique Domakoski moravam em Boston, nos Estados Unidos. Aqui no Brasil … Leia mais…

O empresário do ramo da construção civil se tornou um encantador de animais

O empresário do ramo da construção civil se tornou um encantador de animais

O Jacson Collares  teve uma empresa do ramo de construção civil durante 10 anos. Mas depois de um calote foi à falência. Ele sempre gostou de animais e até era voluntário em algumas ONGs, principalmente fazendo o transporte solidário dos cães. Percebeu que trabalhar como taxi dog poderia ser uma opção de negócio e começou. … Leia mais…

O futebol, que sempre foi uma paixão, se tornou o Plano B desse ex-atleta

O futebol, que sempre foi uma paixão, se tornou o Plano B desse ex-atleta

O Edson Maciel jogava  futebol desde menino. E ainda criança já treinava no Coritiba. Ele começou a se destacar no infantil, depois no juvenil. Quando estava com 20 anos, já  como profissional, teve cinco convulsões,  era um ataque epilético. “Fui parar no hospital com o rosto todo machucado e com a certeza que a minha … Leia mais…

A estilista das porcelanas

A estilista das porcelanas

A Carol Deschamps se formou em moda e começou a trabalhar como estilista. Ficou cinco anos na área,  mas não conseguiu se adaptar  ao mercado. Decidiu fazer uma nova faculdade, a de design gráfico. No meio do curso engravidou. Apesar da dificuldade de encontrar um estágio e depois um emprego, conseguiu uma vaga em uma … Leia mais…