Elixir 1

A história do Elixir Bazar, que tem ajudado no sucesso de muitos Planos B

“Vou vender para quem e aonde ?”. Esta é a dúvida de muita gente que está começando e muitas vezes são os bazares, que acontecem em todo o Brasil, que costumam dar oportunidade para quem precisa vender um produto ou serviço. Tem sido assim no Elixir Bazar, em Curitiba. Mais de 500 expositores já passaram pelo bazar que se chama Elixir porque pretende ser a cura para todos os males. Adorei!

Dicas Bazar- Partiu Plano B

Quando decidiu se tornar empresária a Adriana Russa, que sempre trabalhou como produtora, começou a sentir na pele as dificuldades de ser empreendedor no Brasil. “Cheguei a passar noites pensando no porquê de tanta burocracia, taxas, impostos. E tudo isso para quem está começando”. Ela não poderia mudar o País, mas resolveu fazer alguma coisa e criou, junto com a Patrícia Sato, um evento para abrir espaços onde o empreendedor pudesse expor seus produtos sem burocracia e sem contratos leoninos. “Apenas um lugar onde suas pessoas pudessem expor seus produtos, prospectar sua empresa e por que não, vender!”

E assim, há 7 anos, aconteceu o primeiro bazar, com 16 expositores. O Elixir tem um ano e meio, teve três edições e  é o resultado de vários outros bazares promovidos pela Russa. Em cada evento são 180 expositores. Quer saber o segredo desse sucesso? A Russa me contou que desde o início deu prioridade para produtos de qualidade que são comercializados em locais com boa infraestrutura, que possam garantir o conforto para o expositor e também para os clientes.” A ideia é que possamos incentivar o empreendedor/expositor a levar o produto até o cliente final com preço acessível, além de apresentar a Curitiba uma opção inteligente de consumo”.

Elixir Bazar valendo

Desde que decidiu se dedicar integralmente à organização de bazares, a Russa passou a chamar as expositoras de Bazarentas. O apelido carinhoso é uma maneira também de dar as boas vindas para quem está começando a empreender.”O Elixir tem sido o baile de debutantes de muitas bazarentas”. E ela ainda tem orgulho de dizer que muitas que começaram no Elixir hoje brilham em outros bazares. “Quando as vejo trabalhando com segurança e suas empresas crescendo, me sinto como uma mãe que forma um filho na faculdade: Missão Cumprida”. E é como uma mãe que a Russa garante que não abandona as bazarentas. “Depois de participar de um Elixir ele ou ela nunca estará sozinho, independente de estar ou não em um evento nosso. Dou toda a orientação, me coloco à disposição para ajudar e faço questão de prestigiar, sempre!”

As dicas da Russa 

-Trabalhamos com muita dedicação e comprometimento para que o retorno seja sempre muito bom,que o expositor finalize um evento com lucro e todo o investimento reposto, e na maioria dos casos o objetivo é atingido. Lógico que isso também depende da dedicação do expositor. Um bazar é uma grande ciranda e, como tal, só gira se tivermos de mãos dadas. A organização faz sua parte e os expositores colaboram na divulgação, no capricho de seus espaços, no bom atendimento..no pós venda, .e energia positiva!

-Acho maravilhoso que cada vez mais tenhamos bazares em Curitiba de estilos diferentes, mas não podemos esquecer que bazar, apesar de ser divertido, alto astral, não é brincadeira. Não podemos banalizar. Bazar é uma “brincadeira séria” não podemos esquecer que devemos respeito ao expositor ( sua marca …seu produto) e ao cliente! Sem estas duas peças não existe bazar!

-Quando for organizar um bazar se coloque no lugar do expositor e do cliente.

-Observe as necessidades básicas para que ambos tenham conforto

-A divulgação tem que ser tratada com carinho

-Não economize em detalhes importantes. Se o objetivo principal de quem pretende organizar um bazar for o “lucro” já começou errado! Seu lucro maior é a credibilidade e a confiança

 

www.facebook.com/elixirbazar

 

4 comentários sobre “A história do Elixir Bazar, que tem ajudado no sucesso de muitos Planos B

Deixe um comentário