Casa da Bruxa - Partiu Plano B

A advogada que uniu a paixão pelo comércio e por doces  

Não precisa nem gostar de doces para se encantar com a loja da Suelen Mylla e quem gosta não quer sair de lá, ou pelo menos vai gastar um bom tempo conferindo tudo quanto é tipo de bala, chocolate, biscoito e até pipoca colorida e caramelizada.

Casa da Bruxa - Partiu Plano B

OK! Confesso que eu faço parte do segundo grupo e adorei ter a oportunidade de conversar com a empresária na loja que tem o nome sugestivo de Casa da Bruxa, parecida com aquelas lojas de doces incríveis que a gente vê em filmes ou viagens internacionais.

Casa da Bruxa - Partiu Plano B

A Suelen é formada em Direito, mas como a mãe sempre trabalhou com comércio ela se lembra de passar a infância aprendendo a arte de vender. Tanto que aos 18 anos, quando a mãe dela pediu para escolher entre um carro e uma loja, ela não teve dúvida e abriu uma loja de cosméticos. “As minhas amigas falavam de balada e festa e eu da minha loja”. Ela ficou 4 anos com a loja e quebrou… Mas até parece que esse detalhe faz uma empreendedora de verdade desistir. Já trabalhando como advogada ela abriu uma loja de roupas e mais uma de cosméticos e mantém as duas até hoje. Só que a Suelen sempre pensava em algo diferente.
Acabou unindo a paixão pelo comércio e por doces para abrir a Casa da Bruxa. E a inspiração veio mesmo das lojas de doces americanas. Só que ela estava em busca de um diferencial. Não queria só fazer uma cópia, por isso a decisão de vender doce com magia, no caso usando uma bruxinha como personagem,como dona da casa.

As redes sociais têm ajudado na divulgação da loja que, além dos produtos importados, ainda oferece uma linha de presentes e decoração. Essas almofadas são muito fofas!

Casa da Bruxa - Partiu PLano B

E  como a empresária  não abre mão de inovar, separou um espaço que chama de sala da Casa da Bruxa, onde uma bruxinha vai receber as crianças em alguns sábados do mês e onde vão acontecer oficinas para as crianças. “É uma bruxa engraçada, esperta para que as crianças não tenham medo”. E claro que não poderia faltar um caldeirão só que cheio de bolinhas coloridas.

Casa da Bruxa -Partiu Plano B

As dicas da Suelen

– Existem formas de crescer em momentos  de crise. É agora que o bom empreendedor  tem que olhar o seu negócio com atenção, monitorar e, se for preciso, mudar a rota, avaliar seu produto, seu cliente. Se está no negócio por estar talvez a crise te leve

-Seja autêntico.Você simplesmente copiar o negócio de alguém não vai funcionar, inspiração é uma coisa.Seja diferente vá além, cobre de você

-Trabalhar sem amor não funciona, se quer ter negócio de sucesso tem que amar o que faz, trabalhar com amor é outro rendimento, vai enxergar o negócio de outra maneira

-Tenha paciência, não quer dizer parado, passivo, nenhum negócio começa dando lucro. Contorne as dificuldades, mas não pare , a Casa da Bruxa ainda está em movimento quero que ela desenvolva muito

 

facebook.com/casadabruxa

Casa da Bruxa -Partiu Plano B

Deixe um comentário